Menos mal que nos fica Portugal

orthopedic pain management

Perante a desinformaçom e a censura dos meios de comunicaçom públicos coa que as autoridades espanholas pretendem conter a indignaçom popular, tenhem sido os organismos institucionais portugueses as principais fontes filedignas de informaçom sobre a situaçom das manchas de fuel-óleo que assolam o nosso país.

O Instituto Hidrográfico do país vizinho, com sede em Lisboa, leva realizando desde o 13 de Novembro um seguimento pormenorizado das manchas e prognosticando com rigor e transparência os seus movimentos. Apesar dos constantes desmentidos que o governo espanhol realizou das suas previsons, até hoje tenhem demonstrado que as suas análises som infelizmente certeiras.