O novo alcaide de Valboa, no Bérzio, jurou o seu cargo em galego
7 de Julho de 2003

Contra a legislaçom constitucional espanhola, o novo alcaide do concelho berziano de Valboa, do PP, utilizou o nosso idioma para jurar o seu cargo, tal e como tinha anunciado.

José Manuel Gutiérrez Monteserim, como outros regedores das comarcas sem reconhecimento legal da sua galeguidade por parte do Estado espanhol, fijo umha reivindicaçom pública da língua maioritária da vizinhança de Valboa, fazendo-se eco do sentimento existente entre o povo berziano a favor da língua nacional galega, que ainda se fala de maneira significativa apesar do nulo respaldo legal com que conta na faixa leste incluída nas Comunidades Autónomas de Castela-Leom e Astúries.

Cargos municipais de diversos partidos tenhem feito acenos similares em favor do reconhecimento legal da galeguidade que, de facto, caracteriza das dezenas de milhares de habitantes dessas comarcas do nosso país.



Voltar à página principal