Catalunha: carga policial contra umha manifestaçom pola língua
25 de Abril de 2003

No dia 23 de Abril, as Ramblas e outras ruas cêntricas de Barcelona fôrom testemunhas da violência policial contra umha manifestaçom de 1.500 pessoas em defesa da língua catalá.

Nom existiam precedentes recentes sobre este tipo de resposta policial contra as reivindicaçons lingüísticas catalás, mas desta vez a Delegaçom do Governo espanhol anunciou que nom autorizava a manifestaçom, convocada pola Coordenadora da Esquerda Independentista, Endavant (OSAN) e a CAL (Coordenadora de Associaçons pola Língua).
As forças convocantes mantivérom a convocatória apesar da proibiçom, confiando em que a polícia nom chegasse a intervir.

Porém, o dispositivo policial, formado por mais de dez carrinhas de intervençom, atravessou-se no caminho d@s manifestantes, que tentárom negociar a continuidade da marcha. Ante a intransigência policial, a maior parte das pessoas congregadas continuárom a manifestar-se de jeito pacífico polas Ramblas, momento em que a polícia carregou com violência, provocando dúzias de contusionad@s, mas nom conseguindo dispersar a manifestaçom. Esta concluiu finalmente na Praça de Sant Jaume como fora previsto.

As forças convocantes situárom a actuaçom da Delegaçom governativa e policial espanhola na ofensiva contra os direitos do povo catalám, e concretamente na perseguiçom política do independentismo. Salientárom também a firmeza e dignidade da maioria das pessoas que se manifestárom, impedindo o objectivo das forças repressivas e desenvolvendo a mobilizaçom como estava prevista apesar da repressom.

Podes ler o comunicado de Endavant (OSAN) ante estes acontecimentos na sua página web



Voltar à página principal