O recém constituído Foro Social do Bérzio também falará galego
26 Organizaçons dessa comarca galega apoiam activamente a reivindicaçom e defesa da língua e da cultura galegas

Na reuniom celebrada em 7 de Julho, na Casa da Cultura de Ponferrada, polas organizaçons promotoras do Foro Social do Bérzio, a que assistírom 21 das 26 organizaçons integrantes, estas decidírom que a Declaraçom de Princípios deste organismo, bem como outros textos e documentos do mesmo, serám redigidos em espanhol e em galego. A proposta foi realizada polo representante de Fala Ceive, associaçom integrante do Foro, e foi aprovada por unanimidade. Isto supom um importante reconhecimento e apoio para a língua e a cultura galegas na comarca berziana, hoje ainda sob administraçom da Junta de Castela e Leom.

As organizaçons integrantes do Foro Social do Bérzio, actualmente, à falta de novas incorporaçons que se podam produzir, som: Federaçom Associaçons de Vizinh@s da Comarca do Bérzio, CCOO, Uniom Sindical de Trabalhadores do Bérzio, HOAC, Federaçom AMPA's "La Palloza", Assoc. Caracol, A.C. Nabatelia, A.C. Flores del Sil, Banco Alimentos del Sil, Asoc. pessoas xordas, Assoc. para a Recuperaçom da Memória Histórica, Assoc. Vizinh@s "La Pasarela", ACD, Assoc. Micológica "Cantharellus", A.C. Fala Ceive, UGT, STELE-STES, Liberación, A. Mujeres del Bierzo, A.C. San António, Tito Alba, Afora, Mujeres Progresistas, ACU Bérzio-Laciana, Companhia El Canal.

A seguir, reproduzimos a nota de imprensa do Foro Social do Bérzio, comunicando a celebraçom da citada reuniom e os acordos adoptados, e que está sendo distribuída, também em galego, a diferentes meios de comunicaçom.

NOTA DE IMPRENSA DO FORO SOCIAL DO BÉRZIO

No dia 7 de Julho de 2003, reuniu-se o Foro Social do Bérzio na Casa da Cultura de Ponferrada, com a assistência de 21 associaçons das 26 que componhem este Foro Social.

En primeiro lugar, tratou-se o bosquejo do documento "Declaraçom de Princípios" do Foro Social do Bérzio. A este documento apresentárom-se várias emendas, assim como a ampliaçom e desenvolvimento de alguns dos pontos tratados. A decisom mais importante é que o Foro Social, por unanimidade das pessoas assistentes, chamará-se Foro Social do Bérzio, quer dizer: será um órgao de ámbito comarcal, decidindo-se também que o documento final, e outros textos do Foro, serám redigidos em galego e em espanhol, segundo o acordo unánime dos e das assistentes. Este texto definitivo será apresentado na próxima reuniom, que terá lugar no dia 15 de Setembro.

De acordo com as normas estabelecidas de rotaçom, decidiu-se que a portavozia e a secretaria da próxima reuniom corresponda a Alternativa Comarcal Democrática e à Associaçom Cultural NABATELIA, respectivamente. Acordou-se também estabelecer que a partir do primeiro de Outubro se reunirá o Foro a última segunda-feira de cada mês às 20'00h, e que se esta for feriada a reuniom será na terça-feira.

Pede-se também desde o Foro Social do Bérzio que tod@s aquelas/es cidadaos/ás que quigerem colaborar recolhendo assinaturas com a Associaçom de Xordos, podem passar pola sede de qualquer das organizaçons que componhem o Foro para assinarem ou recolherem o impresso correspondente.

Por outra banda, o Foro Social do Bérzio tomou consciência do que está a ocorrer com os e as advogad@s de ofício, e insta a quem tenha competência para que solucione este problema quanto antes, que ao nosso entender estár a prejudicar as pessoas mais desfavorecidas do Bérzio que nom disponhem de meios económicos.

Ponferrada, 8 de Julho de 2003.



Voltar à página principal