CAMPANHA CONTRA O ESQUECIMENTO EM VALÊNCIA

PLATAFORMA CIUTADANA NUNCA MAIS - VALÈNCIA INTERVÉM NA CAMPANHA ELEITORAL COM URNA CONTRA A DESMEMÓRIA

A Plataforma de Valência, aproveitando a coincidência de numerosos actos reivindicativos (entre eles a celebraçom da Diada valenciana) com a primeira semana da campanha eleitoral, está a divulgar o material com que visa vindicar a memória do acontecido na Galiza e soluçons imediatas para os sectores económicos afectados.
Entre as iniciativas salienta o reparto de 1500 urnas de grande tamanho, impressas com notícias e declaraçons alusivas ao desastre, que estám a ser distribuídas por numerosos pontos da cidade, nomeadamente em centros de ensino e locais públicos de todo o tipo.
Além das urnas, serám distribuídos diferentes autocolantes a denunciar as marés negras, nos quais, entre outras cousas, se relacionam os interesses do petróleo na catástrofe do Prestige e na agressom imperialista ao Iraque.
Por último, a Plataforma Nunca Mais de Valência já tem na rua camisolas próprias, nas quais, sob a legenda NUNCA MAIS- MAI MÉS, a faixa azul da bandeira nacional representa a linha de costa dos Países Cataláns.
Com esta campanha, a Plataforma pretende incidir no conjunto da sociedade valenciana e nomeadamente no seio da comunidade galega emigrada. A presença de bandeiras nacionais e urnas em diferentes actos cívicos já foi destacada pola própria imprensa valenciana.

CONCENTRAÇOM APÓS 6 MESES DO AFUNDAMENTO DO PRESTIGE

A convocatória da Plataforma de Valência, cerca de 100 pessoas assistírom na terça-feira dia 13 às 20h, diante da Cámara Municipal de Valência, à concentraçom comemorativa dos seis meses do afundamento do Prestige na costa galega, que calha com as celebradas ao largo da Galiza. As pessoas concentradas denunciárom a política do Partido Popular quanto à catástrofe e o facto de ainda nom se ter dado umha soluçom à grave crise nacional que padece a Galiza.

PRESENÇA NA FEIRA ALTERNATIVA DE VALÊNCIA

Neste mês, a Plataforma Nunca Mais de Valência está a intervir em várias conferências informativas sobre a situaçom da Galiza após o Prestige, nos Casals Jaume I de várias vilas do País Valenciano, convidada por Acció Cultural. Ainda, estivo presente numhas Jornadas sobre Marxismo, organizadas polo Sindicato de Estudantes, no dia 5 de Maio na Faculdade de Filosofia da Universidade de Valencia e num "cercavila" organizado por Endavant-OSAN no dia 10, que percorreu várias ruas do centro da cidade e acabou com a intervençom de um membro da Plataforma Nunca Mais, entre outras organizaçons convidadas.
Na ultima semana deste mês vai participar com umha banca de material na Fira Alternativa de Valencia onde também foi convidada para expor os seus pontos de vista por várias associaçons também participantes na Feira. Entre os convites cumpre destacar o dos Comités de Solidariedade Internacionalista que organiza umha mesa de debate em que estarám presentes, além da Plataforma Nunca Mais, organizaçons palestinianas, bascas, colombianas, curdas, etc. sob o lema "Pobles en lluita".



Voltar à página principal