O PSOE de Ginzo de Límia, contra o uso correcto da nossa língua
30 de Agosto de 2003

O PSOE apresentou umha moçom no Concelho de Ginzo ante o uso correcto da toponímia na documentaçom emanada da secretaria municipal. Em concreto, protesta polo uso de formas como "Carvalhinho" e "Verim", segundo o PSOE devido à condiçom de "reintegracionista lusista" do secretário do Concelho, Henrique Carvalho. Com enorme desfachatez, o porta-voz dos "socialistas" espanhóis no Carvalhinho, Gonzalo Iglesias Sueiro, exige na sua moçom que o citado secretário "cumpra a legalidade lingüística marcada pola Lei".

Estamos ante mais umha mostra da posiçom política do PSOE na Galiza, abertamente contrária aos nossos direitos nacionais. Em Concelhos como o da Corunha combate desde o Governo muncipal os direitos lingüísticos galegos, mesmo incumprindo a legislaçom actual em questons como o nome oficial do concelho. Também em Vigo o alcaide do PSOE se gaba do seu desprezo polo idioma da nossa naçom. E, entretanto, no momento em que se dam passos, por pequenos e simbólicos que forem, favoráveis ao idioma, aí está o PSOE para "exigir que se cumpra com a legalidalde lingüística".

Felizmente, a moçom anti-galego nom chegou a ser admitida para o seu debate no Pleno do Concelho de Carvalhinho.




Voltar à página principal