Vigo: a polícia espanhola, mais umha vez contra o direito de manifestaçom

9 de Outubro de 2003

A polícia espanhola identificou e intimidou em Vigo as pessoas que seguravam umha faixa contra a nova Lei de Ordenaçom Sanitária que prepara o PP, diante do local em que se encontrava o subdelegado do Governo espanhol, Villar Mon, e outras autoridades do Partido Popular, assistindo a umha conferência.

Média centena de trabalhadoras e trabalhadores da saúde, convocadas pola CIG, concentrárom-se frente ao local viguês em que a ministra espanhola de Sanidade, Ana Pastor, dava umha conferência ante um público formado maioritariamente por cargos públicos e burocratas do PP. Na rua, organizou-se um acto de protesto ante a próxima aprovaçom no Parlamento autonómico de umha nova Lei para a sanidade galega que abre as portas à definitiva privatizaçom do sector sanitário no nosso país.

Ao pouco de começar a concentraçom, elementos da polícia espanhola iniciárom umha provocaçom contra as pessoas concentradas, com empurrons indiscriminados e a identificaçom sistemática das que seguravam a faixa reivindicativa e o megafone. Mais um exemplo da pressom repressiva impulsionada polas autoridades espanholas contra a mais mínima tentativa popular de alçar a voz contra as medidas reaccionárias dos governos do Partido Popular espanhol.



Voltar à página principal