Radio Nacional de España imporá a censura prévia à informaçom sobre a guerra

22 de Fevereiro de 2003

Trabalhadores e trabalhadoras da espanhola Radio Nacional de España denunciárom que a direcçom da emissora probibiu que as emissoras territoriais podam elaborar informaçons sobre a próxima guerra contra o Iraque. Esta decisom responde ao controlo da informaçom que levará a cabo umha redacçom especial dedicada à guerra, que elaborará ou supervisará qualquer notícia e informaçom que parta da RNE, antes de que poda ser emitida.
Segundo fijo público o sindicato CCOO, esta dinámica porá-se em andamento a partir do primeiro dia de guerra, e atingirá nom só às informaçons provenientes do palco do conflito, como também as que digam respeito a mobilizaçons e outras acçons populares no Estado espanhol contrárias à intervençom imperialista.

Vários centros territoriais recebêrom já instruçons sobre estes mecanismos de censura que imitarám o tratamento que as agências e emissoras ianques aplicam nos conflitos internacionais desde a primeira Guerra do Golfo, peneirando qualquer notícia do conflito para manter desinformada a opiniom pública e reduzir assim as reacçons populares anti-imperialistas.
Directivos da emissora, directamente dependente do Governo espanhol do PP, mantivérom conversaçons com redactores para informá-los desta nova dinámica "informativa".
Confirma-se o mau estado de saúde da liberdade de imprensa, de expressom e de opiniom no Estado espanhol.


Voltar à página principal