Um juiz abre diligências penais contra a jovem que gritou "Fraga, cabrom, limpa chapapote"

Manuel Fraga apoia a apertura de diligências penais contra a jovem que o apupou num acto do Partido Popular o passado 6 de Fevereiro em Ponte-Vedra. O Presidente da Junta, que respondeu oferecendo duas bofetadas, concretamente afirmou "Si no fueras mujer te daba dos ...", assegura que "respeita a liberdade de expressom, mas há palavras que él nom está disposto a consentir, e que nengumha "senhorita" bem educada pronuncia".
O Julgado de Primeira Instáncia e Instruçom número 7 de Ponte-Vedra vem de abrir as diligências penais às que se tera que enfrentar cumha acusaçom por injúrias, pola que poderá ser condenada ao pagamento dumha multa de entre 30 e 150 euros.
A justiça espanhola permite que Fraga e o PP utilicem todo tipo de injúrias e calúnias para desqualificar ao movimento popular vertebrado em Nunca Mais, mas arremete contra a liberdade de expressom dumha valente jovem galega que com naturalidade e decisom dijo bem alto o que opinam umha maioria d@s galeg@s.



Voltar à página principal