O Prestige e a censura dos meios de comunicaçom

A totalidade dos meios de comunicaçom, inclusive o "opositor" jornal corunhés "La Voz de Galicia", mantenhem um tratamento informativo a respeito da crise nacional provocada polo Prestige caracterizada pola manipulaçom, ocultamento e censura daquelas notícias que consideram podem danar o regime ou reforçar a indignaçom social.
Segundo fontes fidedignas que recebeu primeiralinha.org um percebeiro de Camarinhas suicidou-se a semana passada a causa da tragédia ecológica e laboral que padece a Costa da Morte.

Umha voluntária madrilena, que participou durante dez dias na recolhida de fuelóleo, tem absolutamente proibido polos médicos ficar grávida antes de um ano, por mor dos efeitos patológicos provocados pola exposiçom prolongada coa contaminaçom.

O SERGAS, Serviço Galego de Saúde, vem de transmitir a tod@s @s médic@s, mediante umha orde estrita recolhida numha circular interna, a absoluta confidencialidade nos tratamentos patológicos derivados do contacto com o fuelóleo.
Segundo fontes ecologistas, e do próprio CSIC, existem componentes cancerígenos no fuelóleo, como o benzopireno, desmentindo assim as informaçons facilitadas polo aparelho de propaganda da Junta da Galiza.

Voltar à página principal