Centenas de estudantes mobilizárom-se contra o Processo de Bolonha

18 de Novembro de 2008

As últimas semanas estám a servir para reactivar a mobilizaçom do estudantado galego contra os planos do capital para a privatizaçom encoberta e elitizaçom descarada do ensino na Galiza. Seis comarcas acolhêrom manifestaçons estudantis no passado dia 13, na jornada contra o Processo de Bolonha.

A organizaçom estudantil independentista AGIR participou, junto a outras entidades, nas mobilizaçons, após umha intensa agitaçom nos centros de ensino em comarcas como a Corunha, Lugo, Compostela ou Vigo.

Compostela registou a manifestaçom mais numerosa, com 400 pessoas e protagonismo do estudantado do ensino médio, que vê como o acesso à universidade fica cada vez mais complicada devido ao encarecimento e endurecimento dos obstáculos já existentes.

Também em Vigo, na Corunha, Ponte Vedra e Ferrol saírom às ruas grupos de jovens de ensino médio contra o Processo de Bolonha, com presença de AGIR na maior parte das iniciativas dessas cidades.

AGIR informa no seu site do labor repressivo protagonizado pola polícia municipal em Compostela, onde o governo formado polo PSOE e o BNG continua a perseguir a livre expressom nas ruas. Vários estudantes fôrom assediados por fardados da Polícia Municipal e de corpos de segurança privados ligados à Universidade.

Novas iniciativas em defesa de um ensino público, científico, galego e de qualidade continuarám a verificar-se nas próximas semanas na Galiza.

:: Vídeo das mobilizaçons em GzVídeos (+...)

 

Voltar à página principal