Um operário morto quando trabalhava numha fábrica em Nadela

4 de Fevereiro 2009

Um trabalhador da empresa de madeiras Tablicia, de 47 anos, morreu na manhá de hoje em Nadela, quando desenvolvia as tarefas próprias do seu posto na referida fábrica de tabuleiros.

Segundo as informaçons publicadas, o operário terá ficado preso na cintura por uma máquica, que lhe produziu ferimentos mortais.

Como costuma acontecer nestes casos, as informaçons som escassas, incluídas as relativas às responsabilidades, que quase sempre ficam esquecidas na voragem informativa umha vez que transcorrem uns dias.

Fique, no entanto, constáncia de mais um operário galego falecido no trabalho, mais umha morte das que de maneira constante vam gotejar, com certeza, também ao longo de 2009, antes e depois das eleiçons autonómicas.

 

Voltar à página principal