Caetano Veloso sim respeitou a identidade lingüística galega

23 de Julho de 2008

Achamos umha obrigaçom para com o povo brasileiro, quatro anos depois da lamentável visita do seu ministro da Cultura, Gilberto Gil, reconhecer a atitude solidária do cantor bahiano Caetano Veloso no seu concerto na capital da Galiza.

Há quatro anos, num 21 de Julho de 2004, publicávamos que "o actual ministro brasileiro da Cultura, Gilberto Gil, aproveitou a sua presença na capital galega, contratado pola Junta da Galiza para um concerto dentro do programa do "Jacobeu", para atacar @s defensores do nosso idioma, reivindicando a espanholidade da Galiza".

Nada a ver com a atitude respeitosa e solidária de um outro grande cantor brasileiro, Caetano Veloso, que afirmou a nossa unidade lingüística dirigindo-se ao público com umhas palavras nada ambíguas: "na Galiza falo em português porque o nosso idioma comum é o galego-português".

Na crónica publicada polo Portal Galego da Língua informam do evento, e do bom acolhimento que as palavras de Caetano Velos tivérom nos vários milhares de pessoas que enchiam a praça da Quintá. Muito diferente do acontecido com o ministro da Cultura, que fora contestada no concerto e posteriormente, com cartas e crónicas negativas publicadas em diferentes meios galegos e até brasileiros.

De Primeira Linha em Rede manifestamos a nossa satisfaçom pola amizade demonstrada por Caetano Veloso para com o nosso povo e com a sua identidade lingüística, amizade que na Galiza também sentimos polo irmao povo brasileiro.

 

:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

PGL: Caetano Veloso: «Na Galiza falo em português porque o nosso idioma comum é o galego-português» (+...)

Ministro brasileiro da Cultura aproveita um concerto em Compostela para fazer apologia do espanholismo (+...)

 

Voltar à página principal