Novas provas gráficas das torturas e vexames a prisioneir@s iraquian@s

1 de Maio de 2004

A ediçom de hoje do jornal británico Daily Mirror divulga fotos de um iraquiano submetido a maus tratos por parte dos soldados ocupantes británicos no Iraque.

Esta nova evidência das torturas que as forças imperialistas aplicam aos iraquianos e iraquianas pres@s chega dous dias depois de a rede de TV norte-americana CBS ter divulgado outras imagens de cidadaos do Iraque submetidos a torturas por parte de soldados ocupantes ianques no país árabe.

As fotos deixam pouca margem para a livre interpretaçom e patenteiam a brutalidade com que británicos e norte-americanos imponhem a sua ditadura ao povo iraquiano.

Em concreto, o iraquiano mostrado nas fotos nom foi formalmente acusado por crime nengum, mas foi submetido a oito horas de sofrimento, incluindo ameaças de morte e brutais espancamentos que acabárom por quebrar-lhe a mandíbula e os dentes.

Depois de ser agredido e de um soldado ter urinado nele, o iraquiano foi largado de um veículo em andamento. Nom se sabe é se finalmente sobreviveu, ao ter-se-lhe perdido a pista após deixá-lo deitado à beira de umha estrada qualquer.

Alguns membros das tropas británicas, de volta ao seu país, afirmárom em relaçom com estas práticas que “nós nunca vamos conseguir tê-los (os iraquianos) do nosso lado. Nós estamos travando umha guerra que estamos perdendo.”

Membros do comando británico e estado-unidense fingírom ante os meios de comunicaçom desconhecimento dos factos, tentando reduzi-los a casos isolados, quando diversas ONG's tenhem alertado repetidamente para os maus tratos, violaçons e torturas como procedimento sistemático por parte das tropas de ocupaçom imperialista no Iraque, também contra crianças. O primeiro-ministro británico, Tony Blair, e o presidente ianque, George W. Bush, tentárom minimizar o significado dessas práticas que afundem na lama da guerra suja e a brutalidade a campanha que Bush, Blair e Aznar anunciaram como "libertadora".

:: Mais informaçons sobre as torturas e maus tratos a prisioneir@s iraquian@s:

Imagens televisivas provam a prática de torturas a presos iraquianos por parte de militares estado-unidenses (+...)

 

Voltar à página principal

 

 

Soldado británico a urinar sobre um prisioneiro amarrado e com um saco a tapar-lhe a cabeça
O torturador aterroriza o prisioneiro colocando-lhe o cano do seu fusil a apontar na cabeça
O prisioneiro é espancado com a culatra do fusil nos genitais
Umha faixa com a bandeira anticolonial iraquiana rodeia o peito do prisioneiro, que acabaria ficando sem dentes, com o queixo partido e largado de um carro em andamento em qualquer estrada. Eis o "modelo democrático" que EUA e Gram Bretanha querem impor ao povo iraquiano
Meses atrás fôrom também reveladas imagens de maus tratos a crianças iraquianas polas tropas norte-americanas
Um dos torturadores pisa a cabeça do detido enquanto lhe pom o cano do fusil nas costas