EUA descarta qualquer limite à brutal ofensiva com que está a arrasar Fallujah

29 de Abril de 2004

O presidente estado-unidense, George W. Bush, afirmou que o Exército ianque vai usar os meios que forem necessários para tomar o controlo de Fallujah, no Iraque: "Os nossos comandantes militares vam tomar quaisquer que sejam as acçons necessárias para controlar Fallujah", afirmou Bush.

A cidade foi libertada pola resistência xiita há mais de umha semana, sendo desde entom cercada polas tropas imperialistas. Nas últimas horas, avions, helicópteros e artilharia pesada estám a arrasar a cidade, incluído o uso dos avions AC-130, capazes de realizar bombardeamentos massivos e brutais.

A escusa para começar semelhante ofensiva é a negativa da insurgência patriótica a entregar as armas e render-se incondicionalmente ante o comando invasor.

Fallujah encontra-se a cerca de 50 km a Oeste de Bagdad e juntamente com Najaf foi libertada polas guerrilhas, que expulsárom as forças ocupantes dias atrás. Centenas de pessoas morrêrom já nesta nova invasom norte-americana, contabilizando-se em 30 as crianças assassinadas só na jornada de intensos bombardeamentos de ontem.

Esta estratégia de terra queimada e genocídio de populaçom civil só está a dar novos azos à luita popular de resistência de um povo, o iraquiano, que é hoje vanguarda e motivo de orgulho para a luita antiimperialista no conjunto do Planeta.

 

Voltar à página principal

 

 

Imagem de arquivo de um aviom AC-130, igual aos que o exército invasor ianque está a utilizar contra o povo de Fallujah
A populaçom civil, mais umha vez, está a ser massacrada polo fogo imperialista norte-americano