Estado policial norte-americano ataca Indymedia

9 de Outubro de 2004

O FBI norte-americano confiscou nos últimos dias discos rígidos de Indymedia correspondentes à estrutura contra-informativa dessa rede internacional em diversos países, incluída a Galiza. O operativo efectivou-se a partir de Londres, pondo em evidência a impunidade com que a Administraçom ianque actua ao longo do mundo, na mais descarada e ilegal extra-territorialidade.

Deste jeito, as versons de Indymedia na Galiza, Italia, Portugal, Polónia e Euskal Herria ficárom inacessíveis sem que se declarasse qualquer motivo para tal. O estado policial estado-unidense está a agir para além das próprias fronteiras atacando o cerne da liberdade de expressom na Internet, representando Indymedia um dos mais importantes espaços de contra-informaçom na rede. Esta operaçom é mais um passo na estratégia dos grandes poderes capitalistas por controlar e coarctar a livre circulaçom de ideias e informaçons na rede de redes.

De Primeira Linha em Rede, manifestamos a nossa repulsa à actuaçom norte-americana e a solidariedade com Indymedia, exigindo a imediata reabertura dos webs atingidos, incluída a versom galega que levava já uns meses funcionando.

 

Voltar à página principal