Comunicado do Comité Central de Primeira Linha

Primeira Linha chama a votar NÓS-UP

O Comité Central de Primeira Linha, perante as eleiçons ao parlamento europeu do vindouro 13 de Junho, chama o conjunto da classe operária galega, a juventude popular, e as mulheres, a apoiar a única candidatura que representa os interesses de classe, nacionais e de género, a candidatura de NÓS-Unidade Popular.

Primeira Linha manifesta a sua satisfaçom por a esquerda independentista ter superado todos os obstáculos impostos polo capitalismo espanhol e poder estar presente nas Eleiçons europeias. Considera um sucesso histórico que a esquerda independentista tenha candidatura própria no dia 13 de Junho.

Frente às dúvidas de última hora, frente ao fantasma do voto útil, a que habitualmente se vem submetidos amplos sectores da classe operária, @s comunistas galeg@s solicitamos nom esquecer qual foi e é o comportamento e a política do reformismo espanholista e autonomista nas grandes luitas travadas nos últimos anos contra a reforma laboral, o desemprego, a precariedade, os acidentes laborais, a reconversom industrial. Cumpre lembrarmos a política permanente de pactos sociais, de acordos com o PP e a patronal, os gestos constantes com o Capital, a instrumentalizaçom e linha derrotista imposta no movimento Nunca Mais, o abandono das reivindicaçons autodeterministas e dos direitos nacionais da Galiza.

O voto nom é determinante na luita de classes, na luita de libertaçom nacional, no combate pola aboliçom do patriarcado, mas isto nom significa que a classe obreira se deixe tutelar, delegue em forças alheias aos seus interesses o apoio eleitoral, optando por fortalecer os partidos do regime e da burguesia. As trabalhadoras e os trabalhadores galeg@s devemos confiar unicamente nas nossas forças e apoiar eleitoralmente candidaturas em que sejamos hegemónic@s e que apresentem um programa anticapitalista e antiimperialista. A candidatura de NÓS-UP é a única que cumpre estas premissas.

Por todo isto Primeira Linha chama votar em NÓS-UP no dia 13 de Junho.

Viva Galiza ceive, socialista e antipatriarcal!!
A luita é o único caminho!
Comunismo ou Caos!!

Galiza, 9 de Junho de 2004

 

Voltar à página principal