Violência machista em Vigo: mais de 120 viguesas agredidas no primeiro semestre do ano

23 de Agosto de 2004

Dados da Rede de Mulheres Vicinais contra os Maus Tratos viguesa alertam contra o considerável aumento da violência machista no concelho mais populoso da Galiza. Som 121 as mulhers que durante 2004 já denúnciárom, e na contagem estám incluídas apenas as mulheres que solicitárom assistência jurídica gratuita por casos de maus tratos por parte dos seus companheiros.

A mesma entidade informou de que, no ámbito do que a actual administraçom chama "Província de Ponte Vedra", som 533 casos de agressons a mulheres durante o ano em curso. Segundo os seus dados, durante o verao aumentam as agressons, umha vez que os homens estám mais tempo nos lares. No momento de fazer públicos os citados dados, a entidade viguesa estava a atender seis mulheres recém agredidas.

A citada Rede considera que os julgamentos rápidos a agressores está a animar as mulheres a denunciar, e julga fundamental que sejam cumpridas as ordens de afastamento, cujo incumprimento acaba nom raro na agressom e até morte de mulheres.

 

Voltar à página principal