Sinistros laborais graves aumentárom na Galiza 10% em 2004

12 de Janeiro de 2005

A Galiza registou entre Janeiro e Outubro do ano recém concluído 927 acidentes laborais graves, o que supom um incremento de 10% a respeito das cifras do ano anterior, em que foram contabilizados 849 acidentes graves. Quanto ao número de trabalhadores/as falecid@s, o número foi o mesmo nos dous anos: 76 em cada um deles.

No que di respeito aos acidentes de carácter ligeiro, o aumento foi de 1%, atingindo 38.446 durante os citados meses de 2004. Ao todo, registárom-se 39.449 acidentes laborais na Galiza, 255 mais do que em 2003. Destaca portanto o aumento dos acidentes na nossa naçom com a tendência contrária noutras áreas do Estado espanhol.

Como em anos anteriores, nom semelha que ninguém, nem entidades patronais nem Administraçom pública, vaia render contas polos cada vez piores dados em matéria de segurança no trabalho, correspondendo aos trabalhadores e trabalhadoras galegas pagar a ausência de escrúpulos de uns e o colaboracionismo de outros.


Voltar à página principal