BRIGA ocupa sede da Confederaçom de Empresários da Galiza

12 de Janeiro de 2005

Vinte militantes da organizaçom juvenil da esquerda independentista BRIGA ocupárom neste meio-dia a sede da Confederaçom de Empresários da Galiza (CEG), despregando no interior do prédio umha faixa de grandes dimensons com a legenda "Fontenla e CEG inimigos da juventude obreira".

@s jovens irrompêrom na sede empresarial coreando palavras de ordem como "acidente laboral, terrorismo patronal" e "trabalho digno para a mocidade".

BRIGA informa no seu web nacional do desenvolvimento deste protesto, justificando-o como resposta às recentes declaraçons do líder do Patronato na Galiza, António Fontenla, em que reclamava umha perda de poder aquisitivo da classe trabalhadora galega para garantir umha maior "competitividade" e ganho empresarial.

Lembra BRIGA também que nom é a primeira vez que Fontenla realiza declaraçons de teor abertamente reaccionário, referindo como exemplo o seu chamado às construtoras a empreender negócios no Iraque arrasado polas forças imperialistas. A organizaçom juvenil independentista julga as palavras do líder dos patrons "umha burla à mocidade galega escravizada em trabalhos precários" e "umha apologia do neoliberalismo selvagem", o que explica o protesto protagonizado por BRIGA dentro da sua campanha "por um trabalho digno para @s jovens".

 

:: Mais informaçom sobre este tema

Líder do Patronato na Galiza entra em campanha apoiando o PP e reclamando salários mais baixos (+...)

 

Voltar à página principal