Espectacular acçom antimilitarista na Corunha

4 de Maio de 2005

O colectivo corunhês "Maribolheras Precárias" protagonizou hoje umha espectacular acçom antimilitarista ao fazer ondear umha bandeira multicor da diversidade, que identifica as reivindicaçons do colectivo homossexual, no mastro instalado no passeio marítimo polo Governo municipal com motivo do desfile militar do passado 29 de Maio.

No mastro ondeou, no chamado "Dia das Forças Armadas" espanholas, umha grande bandeira de Espanha, simbolizando a imposiçom desse projecto nacional, alheio à Galiza, e do militarismo que o define.

Hoje, quase umha semana depois do desfile, um dos colectivos locais envolvidos na campanha contra o militarismo na Corunha conseguiu fazer ondear umha gigante bandeira multicor de 7 por 4 metros, ante a surpresa das numerosas pessoas que passeavam pola zona. Segundo afirma o próprio colectivo no portal Indymedia, a acçom antimilitarista é umha mostra de oposiçom à pretensom de Francisco Vasques, presidente da Cámara polo PSOE, de manter a bandeira de Espanha no local de maneira permanente.

Ao mesmo tempo, "Maribolheras Precárias" rejeita assim "os desfiles, os delírios e as declaraçons homofobas" de Francisco Vasques. Estamos portanto ante mais umha expressom do emergente movimento popular galego na cidade da Corunha, que apresenta grande diversidade e vitalidade nos últimos tempos, frente ao reaccionário e populista localismo pró-espanhol representado polo seu católico e filo-fascista presidente da Cámara.

[Imagens tiradas de Galiza Indymedia]

 

Ver Especial contra o Desfile militar na Corunha

Voltar à página principal

 

 

Quase umha semana depois do desfile militar de 29 de Maio, continuam manifestando-se sectores sociais antimilitaristas na Corunha