Governo ianque quer vetar participaçom cubana no Mundial de basebol

8 de Janeiro de 2006

A Federaçom Internacional de Basebol (IBAF) pode retirar o aval aos EUA para a organizaçom do chamado Clássico Mundial da especialidade, umha vez que o Departamento de Estado ianque resolveu vetar a participaçom da selecçom cubana, alegando que "o evento daria rendimentos económicos a cada participante". Assim, a Administraçom Bush pretende levar também às competiçons desportivas o férreo bloqueio económico e político que impom à ilha dentro da sua estratégia para a derrota da Revoluçom e o submetimento do rebelde povo cubano.

Cuba já lembrou que as suas selecçons nom participam em competiçons por motivos económicos, salientando que o seu governo nunca proibiu as selecçons estado-unidenses de concorrerem em campeonatos internacionais que já tenhem sido organizados em território cubano.

O campeonanto em causa, que decorrerá no próximo mês de Março, teria em Porto Rico a sede correspondente a Cuba, juntamente com a Holanda e o Panamá. Porém, a Casa Branca está determinada a incumprir a carta olímpica, que estabelece como inaceitável qualquer "discriminaçom por questons políticas, raciais ou religiosas". Daí que a Federaçom Interanacional de Basebol tenha advertido já da possibilidade de que o Clássico Mundial perda qualquer homologaçom oficial.

Dá-se a circunstáncia de que a delegaçom cubana propujo que os lucros económicos do Mundial fossem investidos na ajuda às vítimas do furacám Katrina, em Nova Orleáns, deixando assim sem argumento qualquer acusaçom de querer aproveitar o desporto para romper o embargo imperialista.

De resto, jogadores e representantes de outras selecçons participantes já declarárom ser contra o veto, reconhecendo que "sem Cuba, a competiçom nom terá o mesmo sabor. [O veto] fai dano ao basebol e vai contra o espírito desportivo". Haverá que lembrar ainda que Cuba é a principal potência nessa especialidade, tendo ganho o título mundial em 27 ocasions e o ouro olímpico em três das quatro vezes em que o basebol fijo parte de uns jogos, o último em Atenas 2004.

 

Voltar à página principal

 

 

Imperialismo ianque quer evitar a participaçom cubana no Mundial de basebol