NÓS-UP reclama à Junta que agilize os trámites para que a Galiza conte com domínio de país na Internet

19 de Setembro de 2005

Coincidindo com a consecuçom polos Países Cataláns de um reconhecimento parcial da sua nacionalidade no ámbito da Internet, NÓS-Unidade Popular emitiu um comunicado propondo à Junta da Galiza que trabalhe nessa direcçom e consiga um domínio de primeiro nível para a nossa naçom.

No seu comunicado, publicado no web nacional, NÓS-UP dá os parabéns ao povo catalám polo "pequeno, mas significativo, avanço das posiçons soberanistas" que implica o reconhecimento pola Corporaçom da Internet para Atribuiçom de Nomes e Números (ICANN), e que possiblita a qualquer entidade ou particular utilizar a terminaçom .cat na definiçom do correio electrónico ou um web.

A medida, de conteúdo restrito por enquanto, é de carácter cultural e lingüístico, mas constitui um reconhecimento do espaço catalám como diferenciado do espanhol, o que provocou iradas reacçons mediáticas em jornais madrilenos ligados ao espanholismo mais rançoso.

NÓS-Unidade Popular lança a seguir a pergunta chave: "porque nom na Galiza?", lembrando que sectores populares difundem há quase umha década as letras GZ como identificativas da nossa nacionalidade no mundo, por iniciativa do movimento reintegracionista.

Daí que a organizaçom independentista acabe reclamando medidas concretas do Governo autonómico em direcçom a conseguir um código ou domínio de país para a Galiza, do tipo .gz

 

Voltar à página principal