Fora, fora fora, a bandeira espanhola! violência policial contra a dignidade galega na Corunha

12 de Outubro de 2005

A concentraçom diante do Hotel Riazor da Corunha, no meio-dia de hoje, auto-convocada de urgência com a adesom de diversas entidades independentistas, congregou por volta da centena de pessoas. A Polícia espanhola impediu que se avançasse em direcçom ao acto institucional com que o espanholismo homenageava no passeio do Orçám a bandeira de Espanha.

A provocaçom de Francisco Vasques encontrou resposta nas ruas corunhesas, sendo coreadas palavras de ordem como "fora, fora, fora, a bandeira espanhola!", "espanhola nom, galega sim!", "tarde ou cedo, havemo-la queimar", entre outras.

A Polícia espanhola carregou violentamente por duas vezes contra a concentraçom anti-espanholista. Primeiro nas redondezas do Hotel Riazor, deixando várias pessoas feridas, entre elas umha jovem militante de BRIGA que foi conduzida ao hospital com contussons num braço.

Mais tarde, já na praça de Ponte Vedra, as provocaçons de um elemento fascista fôrom apoiadas com umha nova carga policial, que acabou com nov@s contussionados e um militante da AMI detido.

Para as 15'30 horas está convocada umha concentraçom em frente da estaçom dos comboios da Corunha, para exigir a imediata posta em liberdade do companheiro detido e denunciar a violência policial contra a livre expressom e o direito de manifestaçom.

Mais umha vez, ficou em evidência a natureza profundamente antidemocrática do regime espanhol, que comemora o fascista "Dia da Raça", impondo umha suposta "Fiesta Nacional", verdadeiro insulto e agressom à dignidade nacional galega.

Mais umha vez também, o sectores mais conscientes e comprometidos com os nossos direitos nacionais está na rua denunciando as imposiçons espanholas e luitando polas liberdades nacionais e democráticas do nosso povo.

Vídeo da informaçom sobre o acto espanholista de hoje na Corunha, emitido pola TVG às 14,30 horas

Galeria de imagens no web nacional de BRIGA

 

:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

Imagens do acto institucional do espanholismo e das cargas policiais (+...)

Corunha, 12 de Outubro: convocatória aberta de rechaço à agressom espanholista de Vasques (+...)

Francisco Vasques entoa canto desafinado à "unidade de Espanha" (+...)

 

Voltar à página principal

 

 

Democracia espanhola em acçom: malheira a democratas galeg@s que exercem direito à livre expressom nas ruas do próprio país
O acto institucional organizado polo PSOE da Corunha levou-nos de volta à estetica mais rançosa e aos discursos mais reaccionários do imaginário franquista
O direito de manifestaçom da dissidência galega foi mais umha vez espezinhado polas forças repressivas espanholas