Ministério espanhol da Defesa quer organizar Conferência Marítima da NATO em Ferrol na próxima Primavera

2 de Dezembro de 2005

O almirante da Marinha espanhola Ángel M. Tello Valero realizou nesta semana umha visita de dous dias a Ferrol para avançar na organizaçom da chamada Maritime Conference (Marcomed) da NATO, que se prevê decorra na cidade galega na próxima Primavera. Segundo o citado comando militar, o encontro visará "analisar o presente e futuro da força naval da Aliança Atlántica", e reunirá todos os almirantes das marinhas de guerra dos estados que fam parte da NATO.

O evento realiza-se tem carácter rotatório nos territórios de cada Estado membro, sendo a segunda vez que o Estado espanhol fai de anfitriom e a primeira que a Galiza é escolhida para umha conferência similar. O citado almirante espanhol avançou que a presidência do encontro corresponderá ao ministro da Defesa, José Bono, ou entom ao Chefe do Estado maior da Defesa, Félix Sanz Roldán.

Prevê-se que a inauguraçom seja na última semana de Abril, no palácio da Capitania Geral. As sessons de trabalho serám no Paço de Marinhám, mas haverá diversas actividades paralelas de carácter propagandístico que, como a hospedagem das delegaçons, terám Ferrol como centro principal. A duraçom prevista para a Conferência é de três dias, entre segunda e terça-feira.

Os militares e alguns meios de comunicaçom já começárom a dar publicidade ao evento com base na "publicidade que suporá para Ferrol". Umha publicidade que os sectores progressistas e soberanistas de Trasancos e da Galiza devemos avaliar muito negativamente, ao converter a comarca e o conjunto do País numha montra do militarismo e o imperialismo que dia a dia combatemos.

É por isso que, a confirmar-se semelhante convocatória, será necessário organizarmos o rechaço popular que a NATO e o Ministério espanhol da Defesa merecem.

 

Voltar à página principal

 

 

Militarismo espanhol quer voltar à carga na Galiza na próxima Primavera