Livres com cargos os dous antifascistas detidos pola Guarda Civil em Ponte Areas

13 de Setembro de 2006

NÓS-UP informa no seu web da posta em liberdade de Paulo Porta e Abraám Alonso, detidos ontem em Ponte Areas e conduzidos aos quartéis da vila primeiro, e de Ponte Vedra depois, onde passárom a noite antes de declararem nos julgados ao meio-dia de hoje.

Ambos declarárom que a pintagem da fachada da igreja de Salvaterra fazia parte da campanha contra os símbolos fascistas que promove NÓS-UP, o que foi publicamente confirmado pola organizaçom em cuja Direcçom Nacional está integrado um dos detidos, Abraám Alonso.

NÓS-UP reiterou em comunicado o "total apoio aos dous vizinhos de Ponte Areas", exigindo "o fim da perseguiçom contra quem exige o cumprimento de princípios democráticos elementares, como o fim da apologia do fascismo que supom a permanência de símbolos franquistas em edifícios, igrejas e espaços públicos da Galiza".

Toda a informaçom no web nacional de NÓS-UP, onde também se confirma a convocatória para hoje às 20 horas de umha concentraçom solidária em frente à Cámara Municipal de Ponte Areas.


:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

Dous vizinhos de Ponte Areas detidos por pintarem de cor de rosa placa de exaltaçom fascista (+...)

 

Voltar à página principal

 

 

Fachada da igreja da Oliva, em Salvaterra