Revira percorre principais espaços da repressom fascista em Ponte Vedra

19 de Agosto de 2006

O Centro social A Revira de Ponte Vedra organizou 17 de Agosto um roteiro que, partindo do seu local na rua Arcebispo Malvar e finalizando nas abandonadas instalaçons de Tafisa, perto de Monte Porreiro, percorreu durante duas horas os mais emblemáticos espaços da repressom fascista que em 1936 ceifou boa parte do movimento popular da cidade do Leres.

Sob a orientaçom do historiador José Álvarez um grupo de pessoas conheceu de primeira mao como foi o golpe de estado contra a II República, a resistência operária, aqueles espaços urbanos habilitados como prisom para encarcerar a centos de trabalhadores/as e labreg@s, assim como onde se fusilou a muit@s d@s detid@s polas forças paramilitares das diversas expressons da extrema-direita local encabeçadas polo sanguinário Vítor Lis.

Previamente, o dia 10 de Agosto tivo lugar no Centro Social umha conferência na que José Álvarez realizou umha amena e rigorosa radiografia dum dos episódios mais relevantes da nossa história contemporánea.

 

Voltar à página principal