Manifesto galego em solidariedade com Iñaki de Juana já foi assinado por mais de 200 pessoas

13 de Fevereiro de 2007

Mais de 200 pessoas assinárom já o manifesto pendurado na rede no passado dia 4 de Fevereiro, com que se pretende contribuir para umha soluçom justa à grave situaçom do preso político basco. Condenado por um delito de opiniom a 12 anos e meio, ontem mesmo soubemos da reduçom da condena a três anos, dos quais já cumpriu dous de maneira preventiva.

A iniciativa solidária galega, de carácter apartidarista, foi apoiada a nível individual por duas centenas de pessoas, incluindo activistas dos mais diversos movimentos sociais, culturais, juvenis, sindicais, estudantis e políticos da Galiza. O número de adesons poderá ainda vir a crescer, umha vez que continua aberta a possibilidade de remeter apoios ao endereço de correio electrónico solidariedadecomdejuana@gmail.com.

Entretanto, a defesa do preso basco já apresentou um recurso perante o Tribunal Constitucional espanhol, com base na inexistência de qualquer delito na livre expressom de ideias em dous artigos publicados na imprensa escrita basca no ano 2004.

Mais umha vez, manifestamos a nossa solidariedade, reclamamos a liberdade de Iñaki de Juana Chaos e encorajamos os trabalhadores e trabalhadoras galegas a apoiar solidariamente a sua causa, aderindo ao manifesto publicado no blog:

http://gzsolidariedadecomdejuana.blogspot.com

 

:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

Iniciativa galega reclama liberdade de Iñaki de Juana. (+...)

Preso basco em greve de fame confirma que vai continuar a luita. (+...)

Justiça espanhola assume receitas da extrema-direita para combater soberanismo basco. (+...)

O fim da ETA. (+...)

Entrevista com Iñaki de Juana, preso basco em greve de fame há 47 dias (+...)

NÓS-UP adere ao pedido de respeito para os direitos d@s pres@s polític@s (+...)

Preso político basco, vítima da arbitrariedade judicial, cumpre 38 dias em greve de fame (+...)

Parcialidade judicial espanhola, em evidência: livres os responsáveis polo terrorismo de Estado (+...)

Novas manifestaçons pola autodeterminaçom e os direitos d@s pres@s no País Basco (+...)

Dezenas de milhares de basc@s manifestam-se pola autodeterminaçom (+...)

Nova mobilizaçom multitudinária reclama direitos civis e nacionais no País Basco (+...)

NÓS-Unidade Popular fai pública a sua posiçom perante o cessar-fogo declarado pola organizaçom revolucionária basca ETA (+...)

 

Voltar à página principal