Actividades lúdicas dos centros sociais galegos polo Entruido

18 de Fevereiro de 2007

Convidamos-vos a dar umha vista de olhos aos programas de diferentes centros sociais para estes dias de Entruido, e aproveitamos para contribuir modestamente para divulgar a actividade desses espaços para a construçom nacional que venhem afirmando-se na Galiza durante os últimos anos.

Compostela

A associaçom A Gentalha do Pichel apresentou no seu local umha programaçom que incluiu a exposiçom «O Entruido na Galiza», seguida por um colóquio com o antropólogo José Ramom Marinho Ferro, no passado dia 15. Ontem decorreu um concurso de sobremesas de Entruido e umha foliada à noitinha. A Gentalha tinha previsto também organizar umha comparsa.

Trasancos

A Fundaçom Artábria, que acaba de inaugurar novo espaço na Internet, agendou um jantar popular de Entruido para hoje mesmo, com o lacom com grelos como protagonista. Na sexta-feira dia 23 haverá umha festa de disfarces no centro social do ferrolano bairro de Esteiro, com concurso e mais algumha surpresa incluídos.

Ponte Vedra

O da Revira, que também acabou de estrear novo web, é provavelmente o programa mais completo para estes dias. O seu local social acolhe numerosas iniciativas com o Entruido como protagonista. Exposiçom, festa, conferência... Ei-las todas:

PORRA DE ENTRUIDO
O Prémio é umha fantástica cesta de Entruido (lacom, chouriço, botelo, vinho e aguardente). Joga o teu número por tam só 1 euro!!

EXPOSIÇOM
Sexta-feira 16 de Fevereiro às 20:30
Inauguraçom da exposiçom "O Entruido galego"
Degustaçom de filhoas (com mel, chocolate e nata)

FESTA E CONCURSO
Sábado 17 de Fevereiro a partir das 22
Concurso de disfarces (3 prémios de 30, 20 e 10 euros a gastar em diverso material)
Sorteio da cesta de entruido entre @s jogadores/as da porra.

PALESTRA
Quinta-feira 22 Fevereiro às 20:00
"Mitologia popular galega: amuletos e objectos de poder"
Carlos Solla, estudioso da mitologia popular galega.

Ourense

O centro social A Esmorga, de Ourense, também com blogue recentemente reformulado, apresentou também um programa específico de eventos à volta destas datas de festa popular. Comemorou as tradicionais quintas de compadres e quintas de comadres (8 e 15 de Fevereiro, respectivamente) e ontem realizárom um concurso de disfarces.

Para hoje convocárom um jantar de Entruido no centro social e para amanhá, segunda-feira, umha festa que recriará a volta ao ano 1906 com homens disfarçados de mulheres e mulheres disfarçadas de homens.

Com certeza existem outras iniciativas semelhantes um pouco por todo o País, mas achamos estas significativas da vitalidade popular, à margem dos subsídios e directrizes institucionais, na celebraçom de umha das festas mais enraizadas no melhor das tradiçons históricas do nosso povo.

 

Voltar à página principal