Jovens detidos ficárom livres com cargos

22 de Novembro de 2006

Os dous jovens detidos arbitrária e violentamente na tarde de ontem em Compostela quando participavam num acto de repulsa à presença de um dirigente sionista em solo galego, ficárom livres na tarde de hoje, polas 15.15h, segundo informou a entidade juvenil independentista BRIGA.

Como é habitual, a polícia espanhola pretende agora, com total descaramento, acusá-los de "resistência à autoridade", quando fôrom os jovens quem sofrêrom a violência e as ameaças dos fardados espanhóis.

Galiza por Palestina critica forças políticas, denuncia actuaçom policial e exige destituiçons

A entidade solidária com a causa palestiniana, Galiza com Palestina, fijo público um comunicado em que critica a atitude "hipócrita" das forças políticas que "jogando à paz nos seus discursos", facilitam plataformas privilegiadas de expressom ao sionismo no nosso país.

A referida organizaçom solidarizou-se com os dous detidos e denunciou a brutalidade policial, exigindo a destituiçom do delegado do Governo espanhol na Galiza, Manuel Ameixeiras, e da subdelegada do mesmo na Corunha, Obdulia Taboadela.

É necessário apurar responsabilidades e acabar com a impunidade policial

De Primeira Linha queremos manifestar a nossa satisfaçom pola liberdade dos dous companheiros e mantemos a nossa exigência de que sejam apuradas responsabilidades políticas pola impunidade com que a polícia espanhola costuma actuar nas ruas da Galiza contra quem simplesmente exerce direitos fundamentais como o de expressom ou manifestaçom.

Achamos, finalmente, digno de destaque a boa resposta que se produziu na nossa capital face à presença do ex-ministro israelita, umha mostra da vitalidade da nossa solidariedade internacionalistas com os povos que, como o palestiniano, luitam e som exemplo de dignidade e resistência.

 

:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

AGIR dá novos dados sobre a detençom de dous estudantes. (+...)

Detençons e violência policial na concentraçom popular contra a presença de um ex-ministro sionista na Galiza (+...)

 

Voltar à página principal