Quase 1.000 pessoas saem às ruas de Ferrol contra Reganosa

8 de Junho de 2008

Mais umha vez, o povo de Trasancos voltou a se mobilizar para exigir o fim das actividades da central regasificadora de Reganosa na ria de Ferrol. Respondendo à convocatória do Comité de Emergência, quase 1.000 pessoas participárom numha manifestaçom que partiu do porto de Corujeiras e concluiu em frente da Cámara Municipal.

A massa de manifestantes coreou palavras de ordem contra os partidos que permitírom que Reganosa e Tojeiro instalassem a central de gás em Mugardos, apesar das ilegalidades flagrantes que acompanhárom o processo.

Sectores ambientalistas, libertários e da esquerda independentista formárom um bloco comum contra a presença de Reganosa em qualquer localizaçom da nossa comarca, incluído o porto exterior: "Planta de gás, nem dentro, nem fora. Por um outro modelo energético" foi a legenda da faixa conjunta da coluna em que participárom Verdegaia, NÓS-Unidade Popular, BRIGA, AGIR e colectivos anarquistas como a CNT e a Uniom Libertária. Podem ver-se mais fotos aqui.

Ao chegar à praça do Concelho, o grupo de integrantes do Comité que ocupavam as instalaçons municipais desde há cinco dias abandonárom o edifício e aderírom à concentraçom final contra Reganosa. Representantes da entidade convocante dirigírom-se às pessoas concentradas, lembrando que esta luita nom acabou e que, tal como Ence-Celuloses vai abandonar Ponte Vedra, também a central de gás de Reganosa abandonará Mugardos.

 

Voltar à página principal