150 marcham entre Ferrol e Mugardos em apoio à vizinhança e contra Reganosa

25 de Agosto de 2007

Eram por volta das 16:30 horas quando umha animada coluna de vizinhos e vizinhas de diferentes pontos da comarca partiu do porto de Corujeiras de Ferrol, em direcçom a Mugardos, onde há um mês um grupo de vizinhas e vizinhos de Meá, directamente afectados pola instalaçom dos depósitos de Reganosa, ocupa a sede municipal.

As palavras de ordem mais coreadas fôrom "Reganosa, ilegal e perigosa", "planta de gas, fora da ria", "a ria é nossa e nom de Reganosa", junto às de solidariedade com @s vizinh@s de meá. Ao longo do percurso, fôrom feitas pintadas de denúncia contra a presença de Reganosa em Mugardos, e umha paragem em frente dos depósitos para exigir o fim das actividades e da entrada de gaseiros na ria.

A chegada a Mugardos supujo um momento de emoçom, com a vizinhança saindo a receber as pessoas solidárias que caminhárom desde Ferrol ou se incorporárom em diferentes pontos do trajecto. As pessoas participantes reclamárom umha mudança de atitude do governo municipal mugardês (BNG e PSOE) que até agora tem mantido umha absoluta cumplicidade com os planos especuladores de Reganosa.

A luita vai continuar

Umha vizinha de Meá e um representante do Comité de Emergência agradecêrom a importante participaçom e lembrárom a convocatória prevista para 30 de Setembro, quando umha nova manifestaçom percorrerá as ruas de Ferrol exigindo a anulaçom do inservível plano de emergência e a paralisaçom de Reganosa.

Entretanto, o conselheiro da Indústria, Fernando Branco, ratificava ontem mesmo que o chamado plano de segurança interior, avalizado pola Junta da Galiza, responde às exigências legais, o que trocado em miúdos significa que o PSOE e o BNG continuarám a sustentar o projecto de Tojeiro e das entidades financeiras galegas.

Uns petiscos servírom para concluir, passadas as 20:30 horas, umha importante jornada de solidariedade e luita em defesa da segurança e da ria como espaço natural e socioeconómico insubstituível.

 

:: Mais informaçons sobre o mesmo tema

Marcha popular a Mugardos em solidariedade com a vizinhança fechada na Cámara Municipal (+...)

Acidente no terminal de Repsol na Corunha: novo aviso sobre os riscos que afronta Reganosa (+...)

Junta da Galiza dá aval político para o início de actividades de Reganosa (+...)

Nova concentraçom popular em Ferrol contra a entrada de gaseiros de Reganosa (+...)

Êxito da mobilizaçom popular: 5.000 em Ferrol contra Reganosa (+...)

[Vídeo] Imagens da jornada de luita popular e de violência policial (+...)

Polícia espanhola toma o centro de Ferrol, ataca concentraçom popular e detém um mínimo de três pessoas (+...)

Resposta repressiva militar à exemplar luita popular contra Reganosa (+...)

Centenas de pessoas mobilizárom-se em Ferrol contra Reganosa (+...)

Ferrol: convocam concentraçom contra Reganosa este sábado ao meio-dia (+...)

Reganosa: bomba-relógio em período de provas. (+...)

Reganosa, UPG e burguesia trasanquesa celebram conjuntamente a chegada do primeiro gaseiro a Mugardos. (+...)

Ferrol: PSOE recorre à violência policial para defender os interesses de Reganosa. (+...)

Populaçom trasanquesa barra por duas vezes o acesso de um perigoso gaseiro à planta de gás. (+...)

Incêndio num depósito lembra riscos da planta de gás em Mugardos (+...)

Planta de gás em Mugardos: Junta da Galiza defende as ilegalidades e a ameaça ambiental de Reganosa (+...)


Voltar à página principal