Acçom de AGIR contra a guerra

Um autocarro da armada espanhola estacionado à beira da escola universitária de Magistério de Compostela foi pintado por AGIR com diversas palavras de orde. Pouco depois das seis da tarde de hoje 10 de Fevereiro umha dúzia de militantes da organizaçom estudantil do MLNG concentravam-se diante do veículo militar em protesto pola apoio do governo espanhol à guerra contra o Iraque. "Nom à guerra imperialista", "PP asassinos", "PP Culpável", "Fora armada espanhola" fôrom algumhas das palavras de orde que "decorárom" com esprai vermelho o veículo utilizado para difundor o militarismo espanhol entre a mocidade.

Segundo declaraçons de AGIR com este acto a organizaçom de estudantes da esquerda independentista pretende denunciar, mediante a acçom directa, umha guerra imperialista que conta coa oposiçom de mais de noventa por cento do estudantado galego.

O militarismo espanhol tem grandes problemas para captar soldados. Nos primeiros nove meses de 2002 o profissionalizado exército espanhol tam só conseguiu recrutar 800 soldados dos 12.000 previstos.





Voltar à página principal