NÓS-Unidade Popular mantem umha activa campanha eleitoral na comarca de Trasancos

Se vem a filiaçom de NÓS-Unidade Popular começara já a campanha a prol do voto em negro, repartindo centos de brochuras e papeletas no 1º de Maio, é durante os 15 dias de campanha eleitoral quando desenvolve umha activa presença nas ruas das localidades da comarca.

Milhares de colantes pedindo o voto em negro fôrom colados polos bairros de Ferrol, Ensanches, Carança, Canido, Sam Joam, Esteiro, Madalena... também em Narom, Fene, Neda e Jubia. O reparto de papeletas e brochuras também foi massivo.
Filiad@s de NÓS-Unidade Popular colárom dúzias de faixas nas entradas de Ferrol sob várias legendas "Juan Fernandez ruína de Astafersa. Vota em negro", "Por dignidade: Galiza vota em negro", "Pola independência, socialismo e antipatriarcado vota em negro"... Também se fixo umha colada massiva de cartazes de temática comarcal.
Dúzias de paineis eleitorais de "Independentes por Ferrol" e do PP fôrom sabotados bem com pintadas, bem com coladas de faixas por riba.
Também foi repartida umha brochura comarcal.

Cumpre destacar o nervossismo do BNG tanto no feudo que é Fene como em Ferrol com a presença da propaganda independentista, nom respeitando-a e colando por cima o seu material eleitoral para censurar a reivindicaçom do voto em negro. Destacamento especial tem o confronto verbal do alcalde de Ferrol, e candidato de novo polo BNG, Jaime Velho, com militantes de NÓS-Unidade Popular quando estes colavam cartazes ao lado do local eleitoral do BNG, num lugar onde sempre se realizou esta actividade. Ao ver que os militantes independentistas nom cediam e continuavam a colar os cartazes, Jaime Velho marchou com um "berrinche" dos que lhe caracterizam. Após o alacide chegarom vári@s candidat@s a concelheir@s, entre eles Barcia que ameaçou com retirar os cartazes, já que aquilo era um lugar "privado", ao que nom se atreveu mentres os independentistas estiverom lá. Quando estes marcharom, "valentemente" arrincou os cartazes.

Pola noite, em um novo encontro entre independentistas e autonomistas, Ana Verez, ex-presidenta das ANPA´S de Trasancos e na lista do BNG por Ferrol, transmitiu desculpas polo comportamento de Jaime Velho, porque "tinham que entender que ficam quatro dias para as eleiçons e que há nervossismo de como podem sair as cousas". Após está desculpa, o BNG seguiu com o seu jogo sujo nom respeitando a propaganda da organizaçom da esquerda independentista. Este facto foi contestado com pintadas sobre os cartazes do BNG sob a legenda "Com Espanha Nunca Mais. Vota em Negro".

A noite da quarta-feira também foi pintada a sede eleitoral de IF sob a legenda, "Lembra-te de ASTAFERSA". Vota em Negro.



Voltar à página principal